Santuário do Senhor Bom Jesus Campo Largo

Didaqué

O  processo de formação de uma vida cristã parte sempre do Querigma, que é o anúncio da Boa Nova de Cristo, e logo em seguida é necessário uma “catequese”, ou seja, uma instrução, um ensinamento sobre a doutrina, e é justamente sobre essa instrução que vou falar um pouco para vocês, pois ela vem lá do primeiro século…

Já ouviram falar em Didaqué?

A palavra Didaqué vem do grego (Διδαχń) e significa instrução ou doutrina.

Este documento ficou também conhecido como a instrução dos doze apóstolos.

“Eles se dedicavam ao ensino dos apóstolos e a comunhão, ao partir o pão e nas orações” At(2,42)

Trata-se de um documento muito antigo da primeira geração da Santa Igreja. É anterior a alguns livros da própria Bíblia Sagrada, tendo sido escrito provavelmente antes do Evangelho de S. João, do Apocalipse e de algumas das epístolas.

Uma joia raríssima, que nos remete a uma viagem no tempo, permitindo um aprofundamento e compreensão dos pensamentos dos apóstolos e seus sucessores diretos, ou seja, a Igreja Primitiva.

Podemos dizer que é o catecismo dos primeiros cristãos, para eles o principal referencial escrito, além das Escrituras hebraicas (o conjunto organizado de livros que compõem a Bíblia Cristã, tal como a conhecemos hoje, ainda não estava completo nem definido).

Este documento nos ajuda a compreender as origens cristãs, e a maneira como iniciavam as pessoas na religião, como deveriam celebrar, se organizar e viver em comunidade… Fala-nos dos elementos essenciais da fé da Igreja, há menção de Bispos e Diáconos, além dos Sacramentos do Batismo, da Confissão ou Penitência e da Eucaristia.

O Didaqué é composto de dezesseis capítulos e o seu conteúdo traz muitos traços do Antigo e do Novo Testamento. Esse catecismo é testemunho vivo e os primeiros cristãos já se alimentavam da Palavra de Deus contidas nas Escrituras e da Eucaristia, acaso te faz lembrar algo que fazemos principalmente aos domingos?

Sobretudo este lindo documento que é parte da Tradição da Igreja Católica, mostra-nos que o Cristianismo não é uma devoção individualista, mas um viver comunitário fundamentado na Palavra de Deus, na oração e na partilha do Pão.

ANUNCIAR E ENSINAR, inserir e formar, assim começaram os apóstolos, seus sucessores diretos, os cristãos através dos séculos, nossos avós, nossos pais… e hoje essa missão é nossa.

“Ide, pois, e ensinai a todas as nações; batizai-as em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Ensinai-as a observar tudo o que vos prescrevi. Eis que estou convosco todos os dias, até o fim do mundo.” Mt 28; 19-20

Recomendo a leitura do Didaqué, mergulhem em nossas origens.